Dakota Johnson e Charlie Hunnam serão Anastasia Steele e Christian Grey em ’50 Tons de Cinza’

cinquentatonsdecinza_1

Acabou a interminável busca por atores para viver a dupla protagonista da adaptação cinematográfica de ‘Cinquenta Tons de Cinza‘ (Fifty Shades of Grey), de E.J. James.

A atriz e modelo Dakota Johnson foi a escolhida para viver Anastasia Steele.

“Tenho o prazer de informar que a linda Dakota Johnson concordou em ser nossa Anastasia Steele na adaptação cinematográfica de Cinquenta tons de cinza”, tuitou E.L James, escritora da trilogia.

Filha dos atores Don Johnson e Melanie Griffith, Dakota tem no currículo uma participação em ‘A Rede Social‘ e protagoniza a série ‘Ben and Kate‘.

Charlie Hunnam (Sons of Anarchy), que recentemente estrelou Círculo de Fogo (‘Pacific Rim’), foi confirmado no papel de Christian Grey. Ele concorria com Aaron Taylor-Johnson (‘Kick-Ass’), Alex Pettyfer (‘Magic Mike’) e Stephen Amell (‘Arrow’).

Sam Taylor-Johnson (‘O Garoto de Liverpool’) foi a escolhida para a direção.

A Focus Features marcou a data de estreia de ‘Cinquenta Tons de Cinza‘ (Fifty Shades of Grey) para 1º de agosto de 2014, concorrendo com ‘Guardiões da Galáxia‘.

Em ‘Cinquenta Tons de Cinza‘, a estudante de literatura Anastasia Steele é convocada para entrevistar o jovem empresário bilionário Christian Grey para a revista de sua faculdade, ela o acha atraente, enigmático e intimidador. Convencida de que seu encontro correu mal, ela tenta tirar Grey de sua cabeça – até que ele começa a cortejá-la. O romance é inspirado nos personagens Edward e Bella.

Fenômeno literário, teve 40 milhões de livros vendidos em poucos meses. Só os sete volumes de ‘Harry Potter‘ superam a velocidade em que os livros se esgotaram nas lojas norte-americanas.

“Nunca antes um livro destinado a um público adulto tinha vendido tanto e tão rápido”, divulgou a editora Random House. O livro já foi lançado no Brasil, pela Intrínseca.

Kelly Marcel, roteirista do inédito ‘Saving Mr. Banks‘ e da série ‘Terra Nova‘, falou ao Telegraph sobre o roteiro da adaptação. Ela foi a escolhida da Universal Pictures para roteirizar. “A censura será para maiores de 18 anos, pois haverá muito sexo e será bastante atrevido”, afirmou. “Tive que ler o livro várias vezes para decidir quais eram minhas cenas de sexo favoritas. A maioria destas cenas está lá, mas não posso revelar quais”, concluiu.

Comente!